domingo, 16 de dezembro de 2007

EPTV CAMPINAS



CATEGORIA: Rede Regional de Televisão

NOME MAIS CONHECIDO: EPTV

ALCANCE: regional - (nacional e internacional - via Rede Globo)


PORTE: medio porte


HISTÓRIA: A EPTV - sigla de Emissoras Pioneiras de Televisão, que nasceu Empresa Paulista de Televisão foi a primeira empresa do grupo. A TV CAMPINAS, inaugurada em 01 de outubro de 1979. De Campinas partiu para Ribeirão Preto, São Carlos e Varginha (Sul de Minas Gerais). Revelou rostos nacionais como Renata Ceribelli, Ilze Scamparini, Heraldo Pereira, Valéria Monteiro, Nelson Araújo, José Luiz Datena e Oliveira Andrade. Entre os fatores que colocam a EPTV como uma das principais emissoras afiliadas da Rede Globo, está, além da tecnologia de ponta e equipe qualificada, a produção própria exibida em todo quase todo o Brasil, através de outras dezenas de afiliadas da Rede e seus documentários, sucessos de audiência e exportados para vários países do mundo. A EPTV é uma das obras de José Bonifácio Coutinho Nogueira (ex-presidente da TV CULTURA SP. - falecido em 2002) Atualmente é comandada pelos filhos, José Bonifácio Coutinho Nogueira Filho, o Boni, de 55 anos, e Antonio Carlos Coutinho Nogueira, o Toni, de 42 anos. A emissora cobre 50 municípios, atingindo 1.114.589 domicílios com TV e uma população de 3.914.399 habitantes.

LOCALIZAÇÃO: Rua Regina Nogueira, 120 em prédio próprio e com a torre e transmissor no local. É a parte alta da cidade de Campinas na divisa com a cidade de Valinhos.

ÁREA DE TRABALHO: jornalismo, produção de programas regionais e produção comercial.


PÓS E CONTRAS: Campinas sem dúvida é a "cabeça de rede regional" da emissora e onde ficam os donos, portanto um lugar ideal para se começar a trabalhar. Na hierarquia de importância EPTV Ribeirão vem em segundo lugar. Como toda afiliada "pendurada" na programação da REDE GLOBO a estrutura é muito boa, o Jornal Regional é bem assistido e tem credibilidade. Quanto aos salários é o melhor da cidade na área de televisão. Para as vagas de op. de câmera ou rep. cinematográfico é difícil entrar, a maioria dos cinegrafistas são "dinossaurus" na área e só saem de lá se aposentando. Quando surge vagas, eles costumam promover "gente da casa". Para repórteres e apresentadores (jornalistas), o caminho é mais fácil, mas pela proximidade com São Paulo a EPTV acaba sendo uma TV Escola, onde os profissionais que mais se destacam usam a EPTV como "trampolim" para vir para São Paulo, na Globo é claro ! Mas no geral, é uma boa rede para se trabalhar e valoriza o curriculum, A EPTV tem nome no mercado !


AVALIAÇÃO: nota 10 (dez)

AMBIENTE DE TRABALHO: 3 estrelas


3 comentários:

Baaby Peronese disse...

olá,
adorei seu artigo,eu me chamo Bárbara Cristina tenho 16 anos,estou fazendo o 2ºano e gostaria de saber se puder me ajudar; o que eu preciso saber ao fazer uma faculdade de jornalismo?quais as melhores instituiçoes?Como que varia o salário de um jornalista que trabalha na radio?

Desde de já ,agradeço!

Anônimo disse...

Gostaria de saber se a EPTD paga horas extras, se investem no funcionário pq ouvi falar q eles não cumprem com os direitos trabalhistas(Lembrem-se Direito Trabalhista é Direito, não é facor para o funcionário e isso tanto é verdade que pode ser pleiteado na Justiça).

Anônimo disse...

Gostaria de saber se a EPTV paga horas extras, se investem no funcionário pq ouvi falar q eles não cumprem com os direitos trabalhistas(Lembrem-se: Direito Trabalhista é Direito, não é favor para o funcionário e isso tanto é verdade que pode ser pleiteado na Justiça).